29/09/2011

Divulgando promoção

O blog: http://waldartesvisuais.blogspot.com está com uma belíssima promoção, vale a pena participar. Este é o selinho do blog da Wal:


Porta revista

Minhas revistas estavam escondidas em pastas, pois não achava jeito de arrumá-las organizadamente, até que esta semana me surgiu a ideia devido a uma caixa que veio com compras do mercado e não quis jogar fora. Quase perfeito, se não fosse o fato da executora ter se enrolado com o tecido, pois inventei de fazer bainha na máquina de costura, para não dobrar muito o tecido, mas isso não deu muito certo, enfim, o próximo ficará melhor. Gostei muito da ideia, pois as revistas ficam visíveis, sem mofo, sem pó e organizadas. Sem contar que o material é todo reciclado, começando pela caixa, sobras de retalhos, fita dupla face, linhas, paciência, estilete. Com o estilete dividi a caixa em dois (uma caixa rende duas unidades de porta revistas). O próximo passo foi envolver toda a volta da peça com a fita dupla face, e depois colocar o tecido. No meu caso fiz bainhas na máquina de costura e forrei tanto dentro quanto fora da peça.


Depois de forrada a peça, o porta revista está pronto, basta colocar as revistas e vê-las organizadas.



28/09/2011

Cachorrinho de tecido

Este cachorrinho eu fiz com TNT, e o molde eu peguei em um blog só não me lembro onde, a pessoa que me desculpe, mas assim que eu achar o endereço venho aqui e posto. Fiz este cachorrinho para o meu sobrinho, ele é fissurado por cachorrinhos. Não tem segredo, com o molde risquei com lápis no TNT, costurei na máquina de costura, deixando uma abertura para colocar o enchimento. Fiz um lacinho com fita de cetim, e com a linha de bordar alinhavei toda a volta, os olhos são pequenos círculos de TNT na cor preta costurados com agulha, fiz a boca com linha de bordar na cor vermelha, coloquei enchimento.


E este é o molde:


26/09/2011

Caixa para fotos

Uma ideia para reciclar caixas de sapato e manter fotos organizadas e guardadas. Esta caixa de sapato eu cobri toda com recortes de revistas. Cortei fotos de artistas e com cola branca fui sobrepondo umas sobre as outras. E para dar um brilho passei verniz acrílico brilhante da acrilex.



25/09/2011

Porta cartão de visita forrada

Reaproveitando uma caixinha da Natura fiz este porta cartão de visita forrada com fita de cetim. Materiais utilizado para fazer o porta cartão: uma caixinha da Natura, fita adesiva, fita dupla face, fita de cetim larga, fita de cetim mais fina, estilete, tesoura. Iniciei prendendo as laterais da caixinha com fita adesiva. Próximo passo foi abrir na parte de cima da caixinha com o estilete, deixando uma tampa. A etapa seguinte foi colar a fita dupla face na parte de dentro e fora da caixinha, logo após  colocar a fita de cetim em cima da fita dupla face. E com a fita mais fina coloquei sobre as emendas da fita mais larga.



Coloque os cartões, e eles ficarão sempre a vista e organizados.


24/09/2011

Bloquinho de anotação passo a passo

Um bloquinho para chamar de meu. Estava precisando de um bloquinho para anotações, mas não seria apenas um bloquinho. Este bloquinho teria que ser afixado na geladeira. Como não achei pronto, decidi fazer o meu próprio. Ele é simples, precisei de alguns materiais: uma base de papelão (usei capa de caderno), imã, cola quente, grampeador, tecido, cola branca, folhas de A4 branca, fita de cetim, fita dupla face. 

Modo de fazer: primeiro cortei a base de papelão (10x7), e com o tecido encapei esta base colando com a cola branca. 


Com a folha A4, cortei várias folhinhas no tamanho da base (10x7). Uni todas as folhinhas grampeando-as  para que não se soltassem. Para cobrir os grampos do grampeador, usei a fita dupla face. Em seguida inseri a fita de cetim em cima da fita dupla face.


A próxima etapa foi colar com a cola quente o imã na parte de trás do bloquinho.


Depois de pronto o bloquinho foi afixado na geladeira, e até consegui colocar uma caneta para facilitar ainda mais minha vida.


21/09/2011

Capa nova para almofada

Já era hora de dar capa nova para a minha almofada, só não tinha coragem, pois ainda não tenho um cantinho onde possa deixar minha máquina sempre à disposição. Mas um dia terei, enfim dá preguiça de montá-la sempre que eu preciso, mas hoje venci minha preguiça, e coloquei a mão na máquina. Medi o tecido na almofada e comecei a costurar, pois ainda tenho o trauma do zíper, e também não tinha zíper do tamanho certo da almofada, então fui no improviso. Fiz tipo uma fronha, até que deu certo. Ainda tinha este tecido que ganhei de presente da sogra, e foi com ele que fiz esta linda capa para a minha almofada, e ela ficou assim:


Ela estava assim:





19/09/2011

Carretéis de linha o que fazer?

Há muito tempo venho guardando carretéis de linha vazio, porque sabia que um dia ia inventar algo com eles. Esta semana fiz dois brincos com folha de revista e pensei porque não fazer um suporte para eles, e foi o que fiz. Para fazer este suporte utilizei os seguintes materiais: tampinha de garrafa (qualquer uma), carretéis de linha, cola quente e correntes para encaixar os brincos. O primeiro passo foi colar com a cola quente um carretel na tampinha. Depois desta etapa colar outro carretel em cima do carretel já colado na tampinha. A próxima etapa é unir mais dois carretéis, que servirão de braços para os brincos. Com os braços colados, colar também com a cola quente em cima da base pronta, colocar as correntes. Nesta foto o suporte pronto e com os brincos.



Fiz este na cor preta, só que ao invés de colocar as correntinhas coloquei argolas.


16/09/2011

Brincos feito de folha de revista passo a passo

Ganhei tantas revistas que nem sei mais o que fazer com elas. Há dias comecei a fazer vários canudinhos com as folhas das revistas. Mas ainda não tinha ideia do que fazer com eles. Até que hoje olhando para eles, enrolei os canudinhos fazendo círculos com eles, e pensei, porque não fazer brincos com eles,  e foi o que fiz. Eis eles, aqui:




Na primeira foto deixei ele normal com as folhas de revistas, ou seja sem acabamento, já na segunda foto eles foram envoltos por fita de cetim.
Para fazer estes brincos utilizei os seguintes materiais: revista, prego, cola, anzol para brincos, ou reaproveitamento de algum brinco que não se use mais, fita de cetim, cola quente, argolinhas, alicates para bijuterias, alfinete para brincos com ponta, e pingente, no caso usei uma bolinha cor de prata para colocar no centro do brinco feito com a fita de cetim. Primeiro passo arrancar a folha da revista, e dividi-la em duas partes. Com a folha dividida fazer canudinhos. Feito os canudinhos, o passo seguinte é fazer os círculos com os canudinhos. Os círculos são feitos da seguinte forma, com um potinho redondo enrolei os canudinhos na volta do potinho. Passei cola para não soltar a ponta dos círculos. Com o prego fiz um buraquinho no círculo. Este buraquinho servirá de passagem para os alfinetes do brinco. Coloquei o alfinete por dentro do buraco feito com o prego. Com o auxílio do alicate de corte, cortei o excesso do alfinete.


Depois de cortado o excesso do alfinete, com o alicate de ponta redonda fiz um ganchinho no alfinete. Com o ganchinho pronto, inseri uma argolinha e depois o anzol do brinco .


No caso do brinco com acabamento de fita de cetim, usei o mesmo alfinete para brincos, mas neste caso fiz dois ganchinhos, um no alto do brinco e outro por dentro para inserir o pingente de bolinha. Comecei enrolando a fita. Depois de enrolar toda a fita no brinco, coloquei argolinhas para o anzol e para o pingente de bolinha.




15/09/2011

Porta marcador de páginas passo a passo

Quando uma ideia surge temos que aproveitar o momento, é assim para se fazer a poesia, é assim para se compor uma música, etc. Hoje achei a necessidade de ter um porta marcador de páginas, pois quando terminamos o livro, aquele marcador já cumpriu o seu papel, que é o de marcar a página que iremos ler depois. Para que ele não fique jogado em uma gaveta qualquer fiz este porta marcador e o resultado foi ótimo. Material necessário: caixa de leite, grampeador, fita dupla face, fita de cetim na cor rosa, linha de bordar na cor rosa e três fuxiquinhos para enfeitar. O primeiro passo foi separar, lavar e secar uma caixa de leite. Cortei nas linhas marcadas dois retângulos  medindo aproximadamente 18x7. Com o grampeador grampei toda sua lateral e o fundo. Com a fita dupla face cobri todos os grampos aparentes. Depois em cima da fita dupla face coloquei a fita de cetim em todo o porta marcador. Para finalizar colei os fuxiquinhos.


Para fazer o marcador de páginas fiz o mesmo procedimento do porta marcador, este marcador mede 19x3. Para o acabamento do marcador furei com um prego o canto superior e coloquei um pompom. Este pompom fiz com a linha de bordado, enrolei a linha várias vezes em dois dedos, amarrei no meio e cortei. Depois cortei arredondando o pompom e com um pedaço de linha amarrei no pompom e inseri no furo feito pelo prego. Esta mesma ideia pode ser aproveitada para guardar canetas ou lápis.




10/09/2011

Pano de prato pintado

Uma amiga me pediu um pano de prato pintado com tinta de tecido, mas como não tenho a habilidade de pintura, resolvi pesquisar alguma outra forma. Nem precisou pesquisar muito, pois a Rosi, uma amiga do orkut,  tem alguns vídeos no orkut dela. Ela sempre está postando vídeos interessantes, e este é mais um. O vídeo é sobre pintura em tecido com giz de cera, achei estranho a principio. Então resolvi testar a técnica, e a amiga gostou do resultado. Aproveitei e fiz mais um para dar de presente. Esta amiga me deu o risco de um galo, e pediu exatamente como está no pano, o desenho nos quatro cantos. Só que ela me deu o risco em sulfite. Precisava passar este risco para outro lugar e assim aplicar no pano com mais facilidade, depois de pensar muito como ia passar este risco para o pano, me decidi por fazer uma espécie de molde vazado em um plástico usado para encadernação. Transferi o desenho em um papel de seda e com o plástico transparente copiei e cortei com estilete. Com o molde vazado transferi para o pano com caneta permanente na cor preta.


Com o galo já no tecido, coloquei uma lixa embaixo do tecido e pintei com o giz de cera de várias cores. 


Depois de pintar no pano, coloquei folhas de papel toalha em cima e embaixo e passei o ferro quente (não pode ser a vapor). Em seguida passar termolina em todo o desenho, deixar secar por 3 dias. Terminado esse período de três dias pode lavar normalmente.

O vídeo é este: http://www.youtube.com/watch?v=vJJlSKaG5gs

09/09/2011

jogo americano

Em mais uma visitinha na vinte e cinco de março, encontrei estas estampas infantis, são lindas. Como estava em débito com uma encomendas de jogo americano para criança, fiz com estas estampas. Medem 47x34, cortei duas vezes este valor e costurei na máquina de costura pelo avesso e desvirei o tecido, e eles ficaram assim:




05/09/2011

Colocando zíper

Tinha receio de colocar zíper e ficava adiando. E quanto mais lia sobre o assunto, mais confusa ficava. Me sugeriram até comprar pés especialmente para este fim. E eu comprei, só que descobri que não posso sair por ai comprando pés que não se ajustam na minha máquina de costura, resultado joguei dinheiro fora, porque já não tenho mais a nota da compra. Estes pés são vendidos em pacotes com cinco unidades, e são para colocar zíper invisível. Enfim, hoje quebrei o protocolo do receio, e me aventurei na colocação de um zíper. Foi tranquilo, consegui colocá-lo sem muita dificuldade, claro que preciso de mais treino. Fiz esta bolsinha, uma espécie de estojo para guardar minhas bagunças pessoais. Primeiro escolhi o tecido, dividi em duas partes e costurei o zíper. Depois com outro pedaço de tecido costurei todas as laterais pelo avesso para fechar a bolsinha. 


Cortei os excessos e fiz uma costura em zigue-zague para não desfiar o tecido. Passei uma costura reta para reforçar a bolsinha. A bolsinha finalizada ficou assim. Ela pode ser usada dobrada ao meio.





04/09/2011

Caixa transparente reciclada

Tinha em casa guardada há muito tempo esta caixinha de chocolates ferrero rocher, e hoje tive a ideia de reciclá-la. Utilizei alguns materiais: soldador, fita de cetim, embalagem de papel higiênico, cola, tecido, botão. O soldador é fácil de usar, basta colocá-lo na energia, esperar esquentar e usar. O que usei para fazer os buraquinhos na caixinha é este:


A caixinha era assim:


Com a ajuda do soldador, fiz vários furinhos nas duas partes da caixinha. Os furinhos se encontram formando pares para passar a fita de cetim, amarrei e fiz um lacinho. Com a embalagem de papel higiênico dobrei e cortei e ficou assim:



Com um pedaço de tecido cortei para cobrir o desenho. Com dois círculos fiz dois fuxiquinhos, um para ser o miolo da flor e o outro para dar o acabamento no fecho. Para o fecho usei um botão que soltou de uma calça jeans. Esta é a parte de trás da caixinha. E esta é a caixinha finalizada com sua parte da frente. Depois que a cola secar, limparei os resíduos de cola.